Risco de furtos;
Desperdícios;
Perdas;
Falta de produtos;
Ausência de controle;
Esses são alguns problemas que empreendedores podem encontrar ao não possuírem uma gestão de estoque na sua empresa. Em um mercado de pequenas e médias empresas, onde os recursos são geralmente escassos, ter domínio e controle sobre o fluxo dos materiais dentro da empresa é essencial.
A gestão de estoque muitas vezes é vista como uma atividade que não gera valor para a empresa, e dessa forma os gestores podem não atribuir a devida importância. Entretanto quando começam a identificar a perda de itens, aumento de custos ou perderem vendas venda por falta de produto, o prejuízo já foi computado.
O risco de Furtos é eminente em qualquer empresa, todas estão sujeitas. Segundo dados da Associação Brasileira de Segurança Orgânica (ABSO), 5% dos funcionários furtariam a empresa que trabalham caso tivessem uma oportunidade.
De acordo com estudos da Kroll (empresa de investigação americana), 74% das organizações sofreram pelo menos um episódio de fraude nos 12 meses anteriores da pesquisa. Sendo o roubo de estoque o principal tipo de fraude, representando 56% das ocorrências.
Caso a empresa não tenha uma gestão de estoque a identificação dos furtos é praticamente impossível, pois o gestor não possui um controle de materiais e sua movimentação dentro da empresa. Dessa forma o empreendedor fica vulnerável a futuras ocorrências. Com um sistema de gestão de estoque ao realizar um inventário as discrepâncias são identificadas facilmente.
Os desperdícios e perdas são consequências da ausência de gestão dos materiais, isso porque o gestor não tem conhecimento do giro de estoques dos produtos. Não ter conhecimento do consumo médio dos materiais pode fazer com que a empresa compre mais do que o necessário. Evitar desperdícios é essencial para que a empresa tenha um custo mais enxuto possível e maximize seu lucro.
A falta de produtos também pode ser consequência da ausência da gestão de estoque, o que gera um custo de venda perdida e perda de fidelidade dos clientes. Isso porque na ausência do produto o consumidor recorre a outros estabelecimentos e produtos substitutos. Caso o gestor não possua uma visão correta de sua capacidade e controle de materiais armazenados na empresa pode acabar comprando menos que sua demanda ou excedentes.
Para saber como prevenir desses problemas, ter um controle de materiais dentro da empresa e diminuir os custos do seu estabelecimento, acesse o conteúdo aqui.